3 Comments

  1. 2

    Paulo Craveiro

    Para ser grande, sê inteiro! Como pensou e escreveu Fernando Pessoa, também a plateia do BigSlam subscreveu, enalteceu e aprovou por unanimidade!
    Permitam-me realçar as palavras humildes na grandiosidade tocante do homenageado, lendário e campeão, Mário Albuquerque:
    «_Estas faixas de campeão foram de um campeonato ganho na Figueira da Foz! Quer dizer, o Ginásio Clube Figueirense também tinha uma equipe maioritariamente constituída por basquetebolistas moçambicanos, que não eram moçambicanos, eram portugueses! E ganhou nessa época, em que tivemos uma série de lesões, mas na época seguinte nós ganhamos outra vez!
    _Um bocadinho grande! (46)»
    Parabéns campeões, com inteiro mérito.

    Reply
  2. 1

    Carlos Hidalgo Pinto

    Mário Garzon Albuquerque inspirou a juventude a jogar basquetebol. Tinha a seu lado um outro extraordinário jogador, o Nelson Serra. Estes dois jogadores, assim como, Carlos Lisboa, Ken Guy, Quim Neves, Mário Machado, Paulo de Carvalho, Leonel Santos, Adriano Baganha, que eram todos altos, com excepção do Guy e de Mário Machado, conjuntamente com outros jogadores com menos altura, mas igualmente,grandes jogadores, como João Domingos, Luis Oliveira, Pinduca, o grande José Arruda e muitos outros jogadores, deram um enorme contributo para o basquetebol moçambicano e português. Mário de Albuquerque, juntamente com Nelson Serra, eram bastante ecléticos e foram dois gigantes do basquetebol nacional, sendo Mário de Albuquerque o mais completo de todos.

    Reply
    1. 1.1

      Luíz Oliveira

      Concordo. LF

      Reply

Se não tiver Facebook comente aqui!

© BigSlam 2016 - Todos os direitos reservados.