4 Comentários

  1. 4

    Carlos Hidalgo Pinto

    Corrigindo o que escrevi há pouco, sobre o tempo que decorre até se registar a duplicação de uma determinada população. O correcto são 17,5 anos e de acordo com a aplicação de uma regra empírica.

    Responder
  2. 3

    Carlos HYdalgo Pinto

    O tal resfriamento económico encontra alguns factores explicativos que são endógenos e também exógenos. O crescimento demográfico descontrolado e o reduzido investimento estrangeiro, são as principais causas da situação actual, muito embora o esforço e a tentativa realizados em melhorar as coisas, o que nem sempre é fácil. Se a população aumentar a um ritmo de 4% ao ano isso significa que passados 25 anos, a população do país irá duplicar. No caso de esse crescimento demográfico for superior (o que acontece no presente) ao crescimento económico, então isso implica empobrecimento. Talvez a solução se encontre em criar zonas ou regiões onde o investimento estrangeiro fosse perspectivado para o longo prazo tipo 40 a 50 anos, com alguma autonomia na administração conjunta desse território, portanto a nível regional o que abrangesse uma 3.a ordem de grandeza. Delimitavam-se por exemplo, 3 zonas de início, com incentivos para o investimento de vários países, emprego e de novo o reinvestimento, de forma a se produzirem vários efeitos multiplicadores de causalidade cumulativa. A língua portuguesa será sempre um elo de ligação e o denominador comum para um bom entendimento entre os vários actores de um tal processo. Portanto uma alternativa de desenvolvimento que não tenha nada a ver com os regimes de leasing ou charter cities ,nem semelhanças com os regimes que vigoraram no tempo das companhias majestáticas. O processo de descentralização em curso seria consolidado e acelerado no tempo por via de um crescente desenvolvimento económico.
    Torna-se necessário introduzir expectativas positivas (alguma utopia até) para Moçambique, de forma a que as questões como o saneamento básico, a saúde e a educação registem substanciais melhorias. A ordem de grandeza ou o nível de escala das zonas ou regiões do território delimitado,são essenciais na atracção do investimento estrangeiro.

    Responder
  3. 2

    José Carlos

    A corrupção está nos genes, ou seja, faz parte da natureza humana, e existe em todas as latitudes. Em Moçambique atinge proporções catastróficas em consequência das vicissitudes da História, pois o país passou abruptamente da ditadura comunista para o capitalismo, sempre com a Frelimo no poder…

    Responder
  4. 1

    Joaquim navarro

    Boa reportagem. Mas cá também temos uma situação idêntica com o aeroporto de Beja.

    Responder

Deixe o seu Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

© BigSlam 2018 - Todos os direitos reservados.