3 Comentários

  1. 3

    Matias Ferreira

    Lembrem-me os aniversários dos meus amigos, dos outros dispenso a recordação .

    Responder
  2. 2

    Pierre Vilbro

    Uma coisa, louvável e a seguir, é todos vivermos em paz e fraternidade com todos. Outra, repudiável e a rejeitar, é branquearmos (mesmo por omissão ou silêncio) factos e individualidades reprováveis. Nesta última situação encontra-se o aniversariante entrevistado.
    De enaltecer, a sua tomada de consciência sobre as injustiças que existiam em Moçambique e que penalizavam a maioria dos moçambicanos, levando-o a abandonar tudo e a abraçar a luta para a independência.
    A denunciar, a transformação do libertador em ditador, conseguido aquele objectivo. É corresponsável na terrível ditadura (pior que a que combateu) implantada em Moçambique, na desgraça para que Moçambique foi levado, e no sofrimento que recaíu sobre a maioria dos moçambicanos.

    Responder
  3. 1

    Germana Alves

    Parabéns

    Responder

Deixe o seu Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

© BigSlam 2018 - Todos os direitos reservados.