10 Comentários

  1. 10

    Manuel Martins Terra

    Falar da então Lourenço Marques, recordada em dia de aniversário por João de Sousa, é algo que enche de orgulho os laurentinos, que viam na sua cidade a menina bonita dos seus olhos. Conquistada ao pântano e devastado o mato, LM ergueu-se com a visão de gente sábia e trabalhadora, que soube com mestria traçar artérias arvorejadas, que se foram povoando com o arrastar do tempo, de lindas moradias e prédios modernos de arquitetura arrojada. O progresso daquela terra, foi sempre alavancada pela ambição e dinâmica das suas gentes, que de geração em geração foram moldando Lourenço Marques,como uma grande capital cosmopolita. Quem um dia bebeu a água do rio Umbeluzi , jamais deixou de amar aquela ditosa terra.

    Responder
  2. 9

    Maria Amelia Valente

    Parabéns á minha linda Cidade de Lourenço Marques. Será sempre a minha Cidade. Tenho mil saudades. Espero ir lá brevemente, mas com a consciência de que quando vim para a Metrópole com os meus pais, deixei a minha Cidade de Lourenço Marques, quando voltar a entrar em Moçambique, vou visitar a Cidade de Maputo. Penso que com este pensamento me estou a proteger o melhor possível, das grandes diferenças que vou encontrar. Obrigada por esta partilha.

    Responder
  3. 8

    Jacob Mandlate

    Maputo/ Lourenço Marques e ou vice versa. A cidade que me viu nascer no hospital Miguel Bombarda como dizia minha mãe, no Chamanculo. Aniversário do meu mano(in memorian)😭😭😭😭….. Amo essa cidade. 5 anos de saudades. Minha proxima viagem será com o mais novo brasileiro Mandlate pra conhecwr essa pérola do índico

    Responder
  4. 7

    Leonor Silva

    É verdade, linda a cidade e capital de Moçambique ☺. A minha cidade natal de que tanto me orgulho. Vive lá até aos 21 anos. Belos e saudosos tempos da minha juventude. Tenho saudades de muitas coisas. Um dia, espero lá poder visitar com a família. Parabénssssss Lourenço Marques ☺

    Responder
  5. 6

    Elvira Reis Rosa

    Obrigada!
    Lindas imagens que me avivam as saudades que tenho dessa cidade maravilhosa.
    Casei na Igreja da Monhuana….faz hoje (24 de Julho) 48 anos.

    Responder
  6. 5

    M. E. Rebelo Nunes

    Com o 24 de Julho Moçambique ganhou também a Catembe, que por lei era seu território

    Esta data faz-me “lamber mel numa roseira”… a saudade é algo de terno e meigo, mas dói, quando nos pica!

    Como velejadora era uma época de regatas internacionais ( concorriam os vizinhos sul-africanos). Despois de uma sã convivência que se alargava por um fim de semana comprido, e bem cumprido, havia a distribuição de taças e medalhas e tudo acabava num animado baile no salão do Clube Naval de Lourenço Marques; era ” a cereja no topo do bolo “que nós, os mais novos, tanto apreciávamos.

    Responder
  7. 4

    Zulfi Amade

    Esses aliados mesmo nas Nações Unidas votaram contra nós.
    Só se aliam com o que é beneficial a eles mas nem sem ganham com isso como nos casos das Guerras principalmente contra os vizinhos de Israel.
    Quando se fala em saudades a definição para muitos e: Lourenço Marques.

    Responder
  8. 3

    Margarida

    Lourenco Marques, a cidade das acácias, a pérola do Indico, minha terra amada e que jamais esquecerei…

    Responder
  9. 2

    Manuel da Silva

    Sou português e sinto-me orgulhoso ao rever estas imagens que me dizem que também deixámos obra feita!

    Responder
  10. 1

    César Sobral

    Os nossos mais velhos aliados sempre foram uns amigos muito pouco recomendáveis !

    Responder

Deixe o seu Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

© BigSlam 2018 - Todos os direitos reservados.