Um Comentário

  1. 1

    Zé Carlos

    A miopia das ideologias radicais quando forçosamente implantam numa sociedade a sua retórica mesmo que esganando o livre progresso natural, muitas vezes custa aos verdadeiros talentos a sua projeção.
    No campo desportivo, Maria Mutola em Moçambique foi uma exepção. Outros grandes talentos foram remetidos ao esquecimento devido às prioridades da orientação politica.
    Não aceitar uma voz contraditória devidamente eleita na camâra parlamentar continua a ser mais importante, do que uma verdadeira liberalização das diferentes opiniões políticas.
    O resultado está à vista, os poucos raios de Sol que de vez em quando abrilhantam os raros foras de série, rápidamente esfumaçam perante posturas políticas governadas por quém não vê um palmo à frente do nariz a não ser; —O que vou ganhar com isso?
    Não se pense que Moçambique é caso único, Portugal tem longos pregaminhos em não se preocupar investir nos talentos nacionais, mas quando esses talentos explodem ao nivél mundial, lá aparecem os suspeitos usuais para tirar proveito da foto oportunidade… Mas sempre à custa dos sacrificíos dos Pais e da dedicação dos Clubes que na sua maioria sobrevivem sub-orçamentados e da carolice de seus adeptos.

    Responder

Deixe o seu Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

© BigSlam 2020 - Todos os direitos reservados.