4 Comments

  1. 4

    Carlos Hidalgo Pinto

    Como geógrafo penso que o take-off (a fase do arranque) económico de Moçambique tudo é possível.
    Os sectores da agricultura, educação e saúde devem também ser prioritários. Entretanto é necessário o investimento. O desenvolvimento dos portos nesse país, implica investir no hinterland de cada porto, ou seja, na indústria portuária por detrás de cada porto. Se se tomar em conta que Moçambique é um potencial fornecedor de energia na região da África Austral, o que implica a construção de barragens, então o sector industrial poderá crescer imenso. Os fluxos migratórios irão de certeza registar um acréscimo numa perspectiva de médio e de longo prazo, Agora, se se quiser manter tudo como está, o crescimento económico não será suficiente para que haja desenvolvimento nacional. Existe potencial para se chegar a esta fase.

    Reply
  2. 3

    Jorge Martins

    …… e a roubalheira da policia depois da meia noite????!!!! Fez de de LM e Maputo, a famosa cidade noturna, a cidade fantasma!!! Nem a pe, se pode andar, sem sermos revistados, apalpados e……. roubados!!

    Reply
  3. 2

    Wanda Serra

    Wanda Serra

    Maravilhoso projeto sem duvida !!!

    Mas concordo em pleno com o Joao Santos Costa.

    Wanda

    Reply
  4. 1

    Rendas Pereira

    Só me atrevo a dizer, está a crescer mais uma bolha imobiliária.

    Reply

Se não tiver Facebook comente aqui!

© BigSlam 2016 - Todos os direitos reservados.