3 Comments

  1. 2

    Dave Adkins

    De nada, Samuel. Big Slam dá colour a minha vida. Obrigado. Outra coisa sobre Wilt. Uma noite em janeiro de 1959, estive em Rochester, Minnesota, cidade do famoso hospital e clinica,
    com a minha equipe da Universidad. Estávamos ficando num hotel em Rochester em rota a dois jogos na fin de semana em Northfield, Minnesota contra St. Olaf College e Carleton College. Foi uma noite frio com neve no ar e estive num taxi com 3 compas da equipe às 10 da noche. De repente, vimos Wilt Chamberlain usando a sua jaqueta azul e branco com a letra “K” da Uni of Kansas inclinando-se contra um poste de luz que iluminaba a rua. Eu reconheci Wilt inmediatamente e gritei do taxi, “Wilt, quantos pontos marcou esta noche?”. Wilt nos mostrou dois dedos enormes significando ele tinha marcado dois puntos. (o seu chise) Ele esteve em Rochester jogando com os Trotters numa exhibição no auditorio da cidade. .

    Reply
  2. 1

    Dave Adkins

    O comite de regras dos E.U. de basquet da asociação de universidades (NCAA) teve que alterar a regra de lance livre devido ao Wilt quando jogava na Uni de Kansas. A regra foi que o jogador não pôde tocar a linha de lanca livre quando lançava. Wilt pôde saltar acima da linha sin tocá-la e “dunk” a lança livre. NCAA alterou a regra e a nova regra diz que o jogador não pode quebar o plano da linha, portanto Wilt teve que ficar atrás da linha e não pôde dunk. . Wilt foi uma atleta excelente: ele correu 400 mtrs. em 48 segundos, saltou 2 metros no salto de altura e lançou o shot putt 16 metros. .

    Reply
    1. 1.1

      Samuel Carvalho

      Obrigado Dave por estas informações que vêm enriquecer o artigo do Alexandre Franco. O Wilton Chamberlain foi um dos meus ídolos do basquete da NBA quando eu era jovem. Um poste de arrasar!!!

      Reply

Se não tiver Facebook comente aqui!

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

© BigSlam 2016 - Todos os direitos reservados.